notíciassbb


SBB endossa e participa do Manifesto "Ocupar escolas, proteger pessoas, recriar a educação". Acesse a versão atualizada!

 

Na manhã desta sexta feira (23/10), a Sociedade Brasileira de Bioética (SBB), a Sociedade Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco) e mais de 30 instituições, lançaram e assinaram o Manifesto "Ocupar escolas, proteger pessoas, recriar a educação", durante uma live que reuniu profissionais de diversas áreas, entre eles professores, gestores e trabalhadores do setor da saúde.

A proposta é recriar a educação como construção de valores e ideias, priorizando uma cultura de paz, solidariedade e colaboração entre as comunidades que aglutinam a escola, a saúde e a família.

O texto também propõe articular as entidades de educação e saúde para o enfrentamento da pandemia da Covid 19 exatamente no momento em que se discute a retomada das aulas nas escolas municipais e estaduais, que, diferentemente das unidades particulares, enfrentam maiores dificuldades estruturais para manter os alunos, suas famílias e profissionais da educação protegidos do novo coronavírus. A defesa da vida deve ser a principal preocupação neste momento em todas as instituições de ensino.

Inspiradas pela experiência do Plano Nacional de Enfrentamento à Pandemia de Covid-19, as entidades participantes da Frente Pela Vida, da qual a SBB faz parte, uniram esforços para “enfrentar os dilemas paralisantes e desorganizadores da educação, da escola e da saúde”.

O Manifesto "Ocupar escolas, proteger pessoas, recriar a educação", escrito por muitas mãos, expõe os desafios da educação durante o coronavírus, e delineia alguns caminhos possíveis:

- fazer da pandemia uma oportunidade para fortalecer os laços com as comunidades escolares;
- reabrir e ocupar os espaços institucionais da educação;
- recriar  a educação “como construção de valores e a escola como espaço de criatividade e compartilhamento, de formação cidadã, de uma visão crítica da sociedade, de promoção de uma cultura de paz, solidariedade e colaboração”.

Organizações interessadas em endossar o documento devem enviar um email para abrasco@abrasco.org.br



ACESSE A ÍNTEGRA DO MANIFESTO - VERSÃO ATUALIZADA

 

 

Imagens: Abrasco e Google (home)