notíciassbb


Entidades da Frente Pela Vida lançam orientações para o retorno, seguro, das aulas presenciais. Acesse! Compartilhe!

 

 

 

O retorno às aulas presenciais em escolas por todo o Brasil tem gerado grandes preocupações para familiares, docentes, trabalhadores e especialistas. Dos 27 estados, 24 já voltaram ou programaram as atividades de volta para agosto, estimulados por pronunciamentos públicos dos ministros da Educação e Saúde. Contudo, nem o MEC, nem o MS e nem todas as secretarias estaduais apresentaram protocolos sanitários e orientações para receber estudantes e a comunidade escolar. A Frente pela Vida, que reúne diversas entidades da Saúde, Educação e Assistência Social – dentre elas a Sociedade Brasileira de Bioética, vem produzindo desde 2020 importantes diagnósticos, manifestos e materiais para embasar a tomada de decisões no contexto da pandemia da Covid-19.

A partir do Manifesto Saúde, Educação e Assistência Social- Em defesa da Vida e da Democracia, a Frente Pela Vida preparou um panfleto que orienta a população a observar os aspectos mais importantes para o retorno: monitoramento da situação geral e local da pandemia, além de garantias estruturais e sanitárias e de participação coletiva nas ações.

 

O material informativo aponta aspectos a serem cobrados às autoridades responsáveis como garantias mínimas para retorno de atividades essenciais: um plano abrangente, pensando nas particularidades dos diferentes segmentos e faixas etárias, ações intersetoriais entre as equipes de educação, saúde e assistência social, aumento dos trabalhadores, gestão democrática e condições de acesso à tecnologia para aulas remotas e modelos híbridos.

O panfleto, com as orientações, foi distribuído nas manifestações públicas do #ForaBolsonaro realizadas em todo o país neste sábado, 24 de julho, e estará disponível nas redes sociais ao longo de toda a semana. 

 

 

Baixe o panfleto – versão colorida e Preto e Branco – e veja o documento orientador na íntegra.

 

 

Compartilhe!